23/06/2020 às 06h56min - Atualizada em 23/06/2020 às 06h56min

‘Ele mordia os lábios’ diz nadadora que foi estuprada por 3 anos quando menor de idade

Foto: Reprodução
A justiça francesa reabriu uma investigação pela denúncia de uma antiga nadadora que afirmou ter sido estuprada, mais do que uma vez, entre agosto de 2010 e outubro de 2013, quando ainda era menor de idade, por um colega de equipe, o AAS Sarcelles, revelou, nesta 2ª-feira (22.junho), o diário L'Équipe.

Recentes depoimentos de membros da equipe permitiram que a investigação que foi arquivada no ano anterior fosse novamente retomada.

Julie Boursier, agora com 25 anos, teria sido estuprada nos vestiários do clube de Sarcelles, uma cidade situada no norte de França.

De acordo com o que foi relatado por Boursier às autoridades policiais, o agressor a impedia de sair e a estuprava no interior das instalações.

O diário L´Équipe revela que o suposto estuprador mordia-lhe os lábios para que não fizesse barulho e alertasse os outros nadadores para o que estava ocorrendo.

"Às vezes, estava tão cansada dos treinos que acabava por nem reagir. Esperava que tudo acontecesse o mais rápido possível. Tinha vergonha", relatou às autoridades policiais Julie Boursier, que tentou suicidar-se, cortando os pulsos, no decorrer do ano de 2017. Com Notícias ao Minuto. 
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »