03/02/2017 às 15h40min - Atualizada em 03/02/2017 às 15h40min

Presidente Municipal do PT de João Pessoa destaca a história de Dona Marisa

A notícia oficial do falecimento da ex-primeira-dama Marisa Letícia Lula da Silva, dada na manhã desta quinta-feira, 2, resultou em diversos vídeos, textos e postagens de condolências ao ex-presidente Lula e sua família. A presidenta municipal do Partido dos Trabalhadores de João Pessoa, Aparecida Diniz, também falou com muito pesar sobre a partida de Dona Marisa, e contou um pouco sobre o exemplo de mulher que ela foi.

“Sabemos que a companheira Marisa Letícia sofreu demais com a perseguição que a sua família estava sofrendo nos últimos meses, algo desumano e insano. Nunca nada foi provado contra ela e contra os seus, e assim como em todos os momentos difíceis que enfrentou, se manteve ereta e dando força ao marido, filhos e netos. Entendemos a importância que o PT tem para Lula, mas sem dúvida alguma Marisa era a sua principal estrela”, enfatizou.

Aparecida Diniz destacou momentos da vida e Dona Marisa, lembrando que sua história se confunde com a do ex-presidente: “Na história de Lula sempre teremos Marisa presente, firme e forte. Ela passou por momentos de dor, dúvida e medo, mas não se deixou abater. Foi dela a iniciativa de organizar uma grande passeata de mulheres que pediam a liberdade dos maridos presos na ditadura militar. Foi das mãos dela que nasceu a primeira bandeira do Partido dos Trabalhadores, e a nossa estrela não poderia ter uma madrinha mais honrada e digna”.

“Humilde, discreta e sábia, Dona Marisa não foi uma primeira-dama qualquer. Algumas pessoas não sabem, mas em 2003 tomou posse o primeiro presidente metalúrgico do Brasil e ao seu lado estava uma primeira-dama que começou a trabalhar aos nove anos como cuidadora de crianças. Gestante, ficou sabendo que o primeiro marido foi assassinado, e como toda mãe solteira precisou lutar pelo sustento do seu filho”, relatou a presidente municipal do PT de João Pessoa.

Finalizando, Aparecida Diniz lembrou que no Brasil existem muitas “Marisas”, e os maiores exemplos que a ex-primeira-dama deixa é a sua humildade, força, honra e coragem: “Nós mulheres lamentamos demais e conseguimos sentir um pouco a dor que o nosso ex-presidente Lula deve estar sentindo. Além da nossa solidariedade e nossas orações, está o desejo que ele supere essa grande perda, porém, que ele saiba que a companheira Marisa continuará ao lado dele na missão de reconstrução do nosso país”.

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »