27/05/2020 às 14h51min - Atualizada em 27/05/2020 às 14h51min

Sesc coordena mobilização online contra sedentarismo

Vitória Borges
Foto: Reprodução
Acontece hoje (27), a mobilização mundial de combate ao sedentarismo, o Dia do Desafio promovido pelo Sesc, chega a sua 26º edição, de maneira online, pela primeira vez, em virtude da pandemia do novo Coronavírus. De acordo com o Conselho Regional de Educação Física da 4ª Região, com sede na capital paulista, manter uma rotina de exercícios físicos pode auxiliar na amenização de quadros de estresse, ansiedade e depressão.

A coordenadora do evento na América, a regional de São Paulo do Serviço Social do Comércio (Sesc São Paulo) vem compartilhando ao longo do dia, postagens sobre os benefícios da prática diária de exercícios físicos, convidando usuários das redes sociais a também compartilhar experiências com fotos e vídeos, usando as hastags #DiaDoDesafio e #JuntosNoDiaDoDesafio.

O conteúdo está sendo divulgado pelo Facebook do evento e pelo Instagram da divisão de esporte do Sesc São Paulo. Neste último, podem ser encontrados, ainda, vídeos recentes de aulas de diversas modalidades, como escalada, pilates de solo e consciência corporal, ministradas por instrutores da rede Sesc. Além das instruções, serão veiculados bate-papos e relatos sobre o impacto do esporte no cotidiano.

No Brasil, a articulação conta com o apoio da International Sport and Culture Association (Isca) e da Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco). Em outros pontos do mundo, as atividades são organizadas pela The Association For International Sport for All (Tafisa).

Mesmo havendo a adaptação para o ambiente digital, a campanha corre bem, na avaliação da assistente da Gerência de Desenvolvimento Físico-Esportivo do Sesc São Paulo, Claudia Campos. Segundo ela, o propósito consiste em estruturar uma cadeia de parceiros, sejam gestores públicos ou entidades, que estimulem localmente as comunidades a adotar hábitos mais saudáveis, como ocorre com a capital paulista, em que escolas da rede municipal de ensino aderem à causa.
 

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »