05/02/2020

VÍDEO: Diretora da Casa da Cidadania de Bayeux denuncia perseguição de Berg Lima

Notícias

A diretora da Casa da Cidadania da cidade de Bayeux, Eloah Felinto, emitiu nota e gravou vídeo na noite desta terça-feira (4), onde denuncia o que chama de perseguição do prefeito Berg Lima com a promoção de fake news em razão da devolução de servidores a prefeitura que, segundo ela, não cumpriam com suas obrigações no órgão estadual.

Ela afirma que Berg Lima quer fazer da Casa da Cidadania, cabide de empregos do seu grupo político e que, dentre os servidores devolvidos, está uma parente de um secretário da gestão municipal muito ligado ao alcaide.

“Inclusive, uma das funcionárias devolvidas é irmã de um Secretário Municipal, que possui ligação direta com o Prefeito, revela.

A diretora ainda afirma ter recebido o cunhado do prefeito, Luiz Carlos Targino, e o chefe de gabinete, conhecido como Joãozinho, que, na tentativa de intimida-la garantiram juntarem-se a Berg e irem junto ao presidente da Assembleia Legislativa, Adriano Galdino, pedir a sua demissão na gestão estadual.

“Tanto o Secretário Municipal e cunhado do Prefeito Luiz Carlos Targino e o Chefe de Gabinete do Prefeito, Joãozinho, numa tentativa de nos intimidar, falaram que iriam juntamente com o Prefeito e o Presidente da Assembleia Legislativa, pedir a nossa remoção da Direção da Casa da Cidadania de Bayeux.

Por fim, Eloah garante que não vai baixar a cabeça para os desmandos de Berg e que não se intimidará com a perseguição que vem sofrendo com as tentativas do prefeito de interferir no órgão que pertence ao Governo do Estado.

Confira a nota, na íntegra:

Olá, me Chamo Eloah Felinto. Estou Gerente Operacional da Casa da Cidadania de Bayeux há aproximadamente 1 ano.

Venho através deste vídeo, esclarecer matérias fakes, compartilhadas nas redes sociais e em portais patrocinados pela atual gestão municipal da nossa cidade.

Nos últimos dias,  devolvemos alguns funcionários cedidos pela Prefeitura, pois em sua maioria, não estão seguindo as diretrizes desta Casa, desde o cumprimento de horário até as atividades inerentes às suas funções, todavia o único intuito do Prefeito é transformar um órgão do Governo do Estado, uma extensão de cabide de empregos para os seus aliados, inclusive, uma das funcionárias devolvida é irmã de um  Secretário Municipal, que possui ligação direta com o Prefeito.

Em detrimento ao meu posicionamento frente à devolução desses servidores, na última quinta feira,  tanto o Secretário Municipal e  cunhado do Prefeito, Luiz Carlos Targino, e o Chefe de Gabinete do Prefeito, Joãozinho, numa tentativa de nos intimidar, falaram que irão juntamente com o Prefeito e o Presidente da Assembleia Legislativa, pedir a nossa remoção da Direção da Casa da Cidadania de Bayeux.

Gostaria de afirmar publicamente ao Prefeito e aos seus aliados, que eu sou filha natural desta terra, sou mulher, militante dos movimentos sociais e não nos intimidaremos com esses ataques sorrateiros, que já é corriqueiro dessa gestão vergonhosa, desastrosa, que desde o início nos envergonha não apenas em nosso município, mas em todo o Brasil, quando pela primeira vez em toda nossa história, tivemos um prefeito preso em flagrante por extorsão a um empresário local.

Prefeito Berg Lima, se preocupe com o descaso que vive o nosso município, com saúde e educação sucateadas, salários e coleta de lixo constantemente em atraso. Não tentem, com meios inescrupulosos, perseguir quem quer trabalhar por Bayeux. Enquanto estivermos à frente deste órgão, iremos zelar pela idoneidade e transparência dos seus serviços.

Os números falam por si: crescimento de novos empregos, fomento ao empreendedorismo, crescimento em atendimento e expansão dos serviços e parcerias firmadas, o que comprova a atual realidade que vivenciamos na Casa da Cidadania de Bayeux. 

Não recuaremos, não nos intimidaremos, nem nos calaremos diante dessas calúnias e desse jogo político sujo, oriundo do Prefeito e dos seus aliados, pagos com dinheiro público para tentar macular a imagem e reputação de quem se opõe às suas práticas que de longe não são republicanas e nem são a favor da população de Bayeux.


Bayeux, 04 de fevereiro de 2020.

Eloah Felinto
Diretora Operacional da Casa da Cidadania de Bayeux.

Link
Tags »
Assista também »
Comentários »

Você concorda com o pedido de intervenção feito pelo TCE-PB na Prefeitura de Bayeux?

63.2%
36.8%