27/11/2017 às 21h02min - Atualizada em 27/11/2017 às 21h02min

Castro Alves é octacampeã do Campeonato Norte-Nordeste de Bandas e Fanfarras

Secom/PMJP
Foto: Reprodução
Três bandas marciais de escolas municipais de João Pessoa conquistaram o primeiro lugar no Campeonato de Bandas e Fanfarras Norte-Nordeste. O evento foi realizado neste domingo (26) na Vila Olímpica Parahyba, na Capital, com a presença de bandas do Maranhão, Ceará, Pernambuco, Alagoas e Bahia.
 
Cada banda teve um tempo de 20 minutos para apresentar o repertório e a performance. Quem subiu no lugar mais alto do pódio, pela oitava vez na categoria Banda Show, foi a Banda Marcial Show da Escola Municipal Castro Alves. O reportório teve como base o filme 'A máquina'.
 
Agora, os alunos se preparam para disputar a Copa dos Campeões na busca pelo tetra campeonato. "Vamos conseguir mais essa vitória, pois confio no empenho dos meus alunos. A Paraíba está chegando lá com música e músicos de qualidade", disse confiante o maestro Josivaldo Cavalcante Lopes.
 
Já a Banda Marcial da Escola Municipal Augusto dos Anjos se consagrou tricampeã da competição na categoria Master. Com o resultado, o grupo se classifica para a Copa dos Campeões e para o Campeonato Nacional de bandas.
 
Para o maestro Lindoaldo Barbosa de Souza, o esforço valeu a pena. "É fruto de muita dedicação e compromisso de todos. Agradecemos a coordenação de Bandas e a Prefeitura que dá todo o apoio possível para que nossas metas sejam alcançadas. Isso também são méritos dos nossos alunos que não mediram esforços", afirmou.
 
A Banda Marcial da Escola Municipal Anísio Teixeira também conquistou o primeiro lugar na competição, só que na categoria juvenil. Eles competiram com outras 10 bandas marciais dos estados do Maranhão e Ceará.
 
"Isso é reflexo do trabalho que realizamos durante todo o ano nas nossas escolas. Dedicação dos professores, alunos e de toda a coordenação, e só temos que agradecer a Sedec pelo incentivo", disse o coordenador de Bandas, Música e Dança da Secretaria de Educação e Cultura (Sedec-JP), Rômulo Albuquerque.
 
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »