12/05/2022 às 06h34min - Atualizada em 12/05/2022 às 06h34min

Com pés e mãos amarradas, corpo de sargento da Marinha é encontrado dentro de porta-malas de carro

O Dia
Raphael da Silva Celestino, 39 anos, foi encontrado morto dentro do porta-malas de um carro, em São Gonçalo - Reprodução/ Redes Sociais
O corpo encontrado encontrado dentro de um carro em São Gonçalo, na manhã desta quarta-feira, pertence ao segundo-sargento da Marinha do Brasil, Rafael da Silva Celestino, de 39 anos. A vítima foi encontrada com os pés e mãos amarradas dentro do porta-malas do veículo, com marcas de tiros, na Rua Expedicionário Clóvis da Cunha Paz e Castro, no bairro do Colubande. A Delegacia de Homicídios de Niterói, São Gonçalo (DHNSG) investiga o caso.

De acordo com a Polícia Militar, agentes do 7º BPM (São Gonçalo) foram acionados no local e encontraram a vítima amarrada. A área foi isolada, passou por perícia durante a manhã e o corpo foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML). 

A DHNSG também busca informações que possam identificar o autor do crime e a motivação. De acordo com o delegado titular da especializada, Mário Lamblet, os investigadores trabalham com todas as hipóteses. "A arma dele também foi levada pelos criminosos, está muito cedo para fazermos qualquer informação. Mas não descartamos nenhuma", disse. 

Em nota, a Marinha do Brasil informou que tomou conhecimento, na manhã de hoje (11), do falecimento do militar e disse que está prestando apoio aos familiares da vítima e colaborando com as investigações. A Marinha trata o caso como latrocínio, inicialmente. Raphael deixa esposa e dois filhos. Ainda não há informações do local e horário do enterro. 

Há pouco mais de uma semana, um guarda municipal de São Gonçalo, identificado como Rodrigo Santos Soares, de 41 anos, foi morto a tiros no Arsenal, bairro vizinho do Colubande. O crime aconteceu no dia 1º de maio e até o momento não há informações sobre a autoria ou motivação do crime. O caso também segue em investigação na DHNSG e a principal linha de investigação é que a vítima possa ter sido alvo de represálias de traficantes da região. Segundo a Prefeitura do município, a suspeita seria de uma tentativa de assalto. 

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »