19/11/2019 às 18h08min - Atualizada em 19/11/2019 às 18h08min

Câmara de Bayeux acata nova denúncia contra Berg Lima e prefeito de Bayeux passa a responder dois processos de cassação

Com dez votos favoráveis e sete abstenções a Câmara de Bayeux acatou nesta terça-feira (19) nova denúncia e instaurou processo contra o prefeito Gutemberg de Lima Davi. 

A denúncia contra o prefeito foi apresentada por Astero Santos, que acusa o gestor municipal de ter cometido ‘prática de infrações político-administrativas’.  Segundo Austero, a denúncia está alicerçado no Decreto-Lei nº 201, de 27 de fevereiro de 1967. O autor apresentou fatos e a indicou eventuais provas, em desfavor do prefeito Berg Lima. 

Na peça apresentada à Câmara Municipal, o denunciante profere diversas acusações contra o gestor; acusações que segundo ele, podem levar a cassação do prefeito Berg Lima. 

Votaram a favor do acatamento da denúncia os vereadores Jefferson Kita Netinho Figueiredo, Lico, Inaldo Andrade, Zé Baixinho, Betinho da RS, Nôquinha, Roni Alencar,  Luciene de Fofinho e Josauro Pereira. 

Se abstiveram: Adriano Martins, Uedson Orelha, Adriano do Táxi, França, Dedeta, Cabo Rubem e Guedes da Informatica.

Com prazo de 90 dias para realizar seu trabalho e então proferir parecer, a Comissão processante terá como Presidente o vereador Roni Alencar. O relator será o Cabo Rubem e como membro o vereador Guedes da Informática. 
Ascom Câmara de Bayeux
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Na briga do PSB, quem pode ser considerado 'traidor'?

41.4%
58.6%