05/12/2018 às 13h19min - Atualizada em 05/12/2018 às 13h19min

Assaltante é morto enquanto fazia idosa como refém em via pública; veja vídeo

Um assaltante foi morto após roubar a joalheria Barra Joias e fazer uma idosa refém na manhã desta quarta-feira (5) no Centro de Valença, que fica a 160 km do Rio de Janeiro. Segundo a Polícia Civil, ele assaltou o estabelecimento e fugiu em direção ao Mercado Municipal.

De acordo a Polícia Militar (PM), o acusado fez menção de atirar nos policiais e na mulher e 'em ato de defesa, os policiais efetuaram o disparo contra ele'.

Ainda segundo a PM, a idosa foi identificada como Tereza de Jesus Ferreira Sacramento, de 83 anos. Ela recebeu atendimento médico e deve prestar depoimentos nos próximos dias na 91ª Delegacia de Polícia (Valença).

Testemunhas informaram que o homem anunciou o assalto e enquanto colocava as joias na mochila, a dona do estabelecimento saiu e acionou a polícia. Ele percebeu e fugiu do local sendo perseguido por um segurança da loja. Uma viatura passou e começou uma nova perseguição. Nessa hora o assaltante fez a senhora refém.

Moradores que presenciaram a ação, gravaram vídeos e enviaram para o WhatsApp da TV Rio Sul. Nas imagens é possível ver o assaltante armado, segurando a vítima, enquanto um policial apontava a arma em direção a ele. Pessoas gritavam para ele soltar a idosa. Em um momento, ela tropeça nos paralelepípedos e cai no chão, e o policial atira contra o bandido, que morre na hora. A mulher não ficou ferida.

Até a publicação desta reportagem, o corpo permanecia no local e a identidade do homem não tinha sido divulgada.

Porém, o número de roubo a estabelecimentos comerciais aumentou na cidade. Em 2017, apenas um assalto foi registrado, contra quatro deste ano. As informações são refentes ao período de janeiro a outubro.

De acordo com dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), em 2010, Valença tinha um pouco mais de 76 mil habitantes. E é considerada pelos moradores como uma cidade pacata e tranquila. Com G1


 

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Qual a sua opinião sobre a decisão do TJ-PB em aplicar apenas medida protetiva ao prefeito de Sousa acusado de agredir a ex-namorada?

11.1%
88.9%