05/09/2018 às 09h48min - Atualizada em 05/09/2018 às 09h48min

'Muito feliz por não ter morrido', diz ator, baleado perto da Rocinha

O Dia Online
O ator Ícaro Silva se pronunciou, através de seu Instagram, após ser atingido por um estilhaço de um tiro no Túnel Zuzu Angel, perto da Favela da Rocinha, em São Conrado, na Zona Sul do Rio. O artista narrou os momentos de tensão que antecedeu o disparo, com a abordagem truculenta dos policiais e a liberação para seguir, seguida de um disparo.
"Um policial me pediu para reduzir e eu obedeci. Baixei o vidro e perguntei o que estava acontecendo. O nível de stress dele era muito alto, ele falava comigo diretamente do inferno, o coração em guerra. Outros dois policiais vieram gritando, os fuzis apontados para mim; não sei se me reconheceram ou não, mas com a mesma violência com que me pararam, me mandaram ir embora, xingando e berrando em seu estado de guerra. Quando eu voltava a acelerar e antes de entender o que estava acontecendo, um estampido no meu carro me congelou. “Isso é um tiro?” Os próximos vários confirmaram que sim", escreveu. Ele contou que, após constatar que se tratava de tiro, "Abaixou a cabeça e enfiei o pé no acelerador como se tudo no mundo fosse tiro e pedal". "Só depois de respirar fundo percebi o buraco de bala no para-brisa do meu carro e minha blusa molhada. 'Meu Deus. Eu levei um tiro?' Me apalpei até encontrar o furo ensanguentado no meu braço. Sim, uma bala rasgou meu braço e deixou uns estilhaços ali, carimbo metalizado da violência urbana", narrou.

PM não se posicionou sobre circunstâncias do tiro

Em nota, a PM disse que a ocorrência no Túnel Zuzu Angel tinha o objetivo de checar informações de que um carro Honda HRV estava fazendo roubos no local. Entretanto, os policiais do 23º BPM (Leblon) nada encontrou e na Autoestrada Lagoa-Barra, perto da Rocinha, disseram que se depararam com um veículo com as mesmas características do que estaria praticando assaltos.

Na abordagem houve confronto, mas os criminosos fugiram e eles disseram que, naquele momento, não havia informações de feridos. Os PMs não citam o relato do ator do que ocorreu dentro do túnel. Questionada sobre as circunstâncias em que o ator foi baleado, a corporação não respondeu.

No registro da 15ª DP (Gávea) feito por PMs do 31º BPM (Recreio) que atenderam a ocorrência envolvendo Ícaro Silva, os policiais foram acionadas às 5h53 pelo Hospital Barra D'Or informando que o ator havia dado entrada na unidade ferido por estilhaços. Segundo o relato, ator havia saído da Zona Sul e estava seguindo em direção à Barra quando viu um carro diminuindo a velocidade no Túnel Zuzu Angel, mas ultrapassou esse veículo. O veículo do artista passou por perícia e será investigado pela delegacia da Gávea.

Nesse momento, ele se deparou com PMs e, sem entender se mandaram que ele parasse ou seguisse, Ícaro ouviu uma gritaria e seguiu adiante. Foi, então, que o ator escutou os barulhos de tiros e percebeu que havia sido atingido quando olhou seu braço ensanguentado. Mesmo ferido, Ícaro dirigiu até o Barra D'Or. Segundo o hospital, ele deu entrada às 5h30 e, após ser atendido, recebeu alta às 8h30.

Ainda no fim da madrugada, policiais da UPP Rocinha foram atacados por criminosos em um ponto de baseamento na passarela da Autoestrada Lagoa-Barra, perto da favela. Ninguém ficou ferido e a PM não informou ainda se esta ocorrência tem relação com a de roubos no Zuzu Angel e com o ferimento de Ícaro Silva.

Ator viverá fundador do Planet Hemp no cinema

Ícaro estreou na TV em 1998, na novela "Meu Pé de Laranja Lima", da Bandeirantes. Ele ganhou destaque com o personagem Rafa, de "Malhação", onde ficou por quatro temporadas. Foi o campeão de 2017 do "Show dos Famosos", no Domingão do Faustão, onde caracterizou vários personagens, inclusive a Beyoncé. O ator também foi sucesso ao encarnar Wilson Simonal no teatro no musical "Simbora- O Musical: A História de Wilson Simonal", que depois virou pocket show. Ele também deu vida a Jair Rodrigues em "Elis - A Musical".

Mês que vêm ele estreia nos cinemas na pele de Skunk, um dos criadores junto com Marcelo D2 do Planet Hemp. No filme "Legalize Já - A Amizade Nunca Morre", Ícaro dá vida ao músico revoltado com a opressão e preconceito que vivia diariamente. Através da música ele expôs sua insatisfação e, após conhecer D2, criam uma das banda de rock rap que mais influenciaram a cena musical no país. 
Resultado de imagem para icaro silva

Resultado de imagem para icaro silva


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »