29/06/2018 às 10h20min - Atualizada em 29/06/2018 às 10h20min

Casal é preso suspeito de participar de assassinato da garota Vitória Gabrielly

Metrópoles
Foto: Reprodução
Um homem e uma mulher suspeitos de envolvimento na morte da menina Vitória Gabrielly foram detidos na manhã desta sexta-feira em Mairinque, no interior de São Paulo. Horas antes, o terceiro suspeito do crime foi indiciado por homicídio doloso.

Segundo informações preliminares, o casal havia sido interrogado, mas apresentou contradições ao informar diversos álibis para o dia e horário do crime. De acordo com um investigador, a dupla foi levada para a Delegacia de Polícia Civil de Mairinque por questões de logística. A identidade dos suspeitos não foi divulgada.

Nesta quinta-feira, 28, o servente de pedreiro Julio César Lima, de 24 anos, foi indiciado por homicídio doloso. Ele nega ter participado do crime, mas afirma que esteve com um casal que levou a menina Vitória de carro no dia em que ela teria sido assassinada.

Crime A menina Vitória Gabrielly Guimarães  Vaz, de 12 anos, foi encontrada morta à beira de uma estrada rural em Araçariguama, no interior de São Paulo, no último dia 16. Ela estava desaparecida desde o último dia 8 de junho, quando saiu de casa para andar de patins.A perícia indicou que a menina foi morta de forma violenta, por estrangulamento, no mesmo dia em que desapareceu. Ela teria tentado se defender do agressor e foi amarrada.

Imagens de câmeras de monitoramento já analisadas pela polícia mostraram que um automóvel de cor preta passou pela Estrada de Aparecidinha, onde o corpo de Vitória foi encontrado, no dia em que ela morreu. A polícia tenta localizar o veículo e pede informações à população da cidade. A Secretaria de Segurança Pública ofereceu R$ 50 mil por informações que levassem à conclusão do caso.

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »