27/04/2018 às 06h45min - Atualizada em 27/04/2018 às 06h45min

Pneus, colchões e até postes de energia são retirados de galeria em João Pessoa

Redação com Secom
Foto: Reprodução
Pneus, colchões, lixo domiciliar, pedaços de madeira e de ferro, escada de ferro, uma bicicleta ergométrica e até dois postes de energia elétrica. Todo esse material foi encontrado dentro da galeria pluvial que atende ao bairro de Oitizeiro, na Capital. Equipes da Secretaria de Infraestrutura (Seinfra) e da Coordenadoria Municipal de Proteção e Defesa Civil (Compdec/JP) da Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP) trabalham desde a última quarta-feira (25) para remoção dos entulhos. A ação se estenderá por toda esta sexta-feira (27) até finalizar o serviço.
 
Todo esse material acarretou em um problema maior. É que, com as galerias entupidas, o nível da água nas Três Lagoas aumentou consideravelmente e acabou alagando algumas casas na comunidade. “Eu tenho trinta anos de serviço público e foi a primeira vez que me deparo com esta situação. Até poste de energia elétrica dentro da galeria que faz o sangradouro para lançar a água para o Rio Jaguaribe. Com certeza, foi colocado de propósito por algum vândalo”, afirmou Noé Estrela, coordenador da Defesa Civil de João Pessoa.
 
“Infelizmente, uma parte da população não contribui e acaba jogando lixo nas ruas. Mas essa situação de pedaços de ferro é inédita. Mas, com muito esforço das nossas equipes, conseguimos encontrar o problema e estamos fazendo de tudo para saná-lo o quanto antes. Só vamos sair daqui quando a galeria estiver totalmente liberada para passagem da água. Acredito que ainda nesta sexta-feira consigamos resolver e os moradores da comunidade Três Lagoas voltem para suas casas”, complementou Noé.

O material encontrado dentro da galeria impressionou até a dona de casa Elisângela Alves, uma das moradoras que teve a residência afetada pelo alagamento. “É uma situação horrível. Essa água está suja e podemos até pegar doenças. É muita falta de consciência, de educação e de ética de uma pessoa que não pensa no próximo. Quem fez isso sabe que poderia prejudicar alguém e está prejudicando muito, tanto minha família quanto os meus vizinhos. É um absurdo”, disse revoltada.


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »