19/04/2018 às 12h51min - Atualizada em 19/04/2018 às 12h51min

Na Paraíba, mais de 300 pessoas foram assassinadas nos três primeiros meses de 2018

Redação com T5
De acordo com dados do relatório divulgado pela Secretaria da Segurança e da Defesa Social nesta quinta-feira (18), nos três primeiros meses de 2018, a Paraíba registou 319 casos de Crimes Violentos Letais Intencionais (CVLI). As estatísticas pautam os homicídios dolosos ou qualquer outro crime doloso que resulte em morte, de janeiro a março deste ano.Ainda segundo a secretaria isso representa uma redução de 7,5% nos registros, se comparado ao mesmo período do ano passado. De janeiro a março de 2017, foram 345 ocorrências de CVLI no estado.

Para o Núcleo de Análise Criminal e Estatística (Nace), em números absolutos, a Paraíba teve 1.680 casos de assassinatos em 2011, registrando a primeira redução em 2012 (8,2%), o que se seguiu até 2017, com 1.284 ocorrências de crimes contra a vida.No cenário nacional, em 2017 a queda foi de 3% nesse tipo de ocorrência, enquanto estados que fazem divisa com a Paraíba tiveram aumento de registros: Ceará (43%), Rio Grande do Norte (20%) e Pernambuco (21%).

O relatório ainda aponta que das 22 Áreas Integradas de Segurança Pública (Aisp) previstas na Lei de Compatibilização de Áreas (LC 111/2012), que prevê a responsabilização territorial aos gestores da pasta, dez tiveram redução no número de assassinatos: zona oeste de Campina Grande (-16); zona norte de Campina Grande (-8); Catolé do Rocha (-7); Princesa Isabel (-6); Alhandra (-5); zona sul de João Pessoa (-5); Picuí (-5); Cabedelo (-3); Sousa (-3); Itabaiana (-2).

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »