29/01/2017 às 13h06min - Atualizada em 29/01/2017 às 13h06min

Vereador denuncia que governo vai fechar escola em Bayeux

Blog Marcone Ferreira
A violência pode ser explicado pelo grande número de escolas fechadas pelo Governo do Estado, conforme levantamento já ultrapassa a 250 unidades em todo o Estado. O vereador Uedson Orelha (PSL) veio à boca do palco para denunciar uma ação do Palácio da Redenção no fechamento da Escola Senador Teotônio Vilela, localizado no município de Bayeux.

Segundo Orelha, “a Escola de Ensino Fundamental Teotônio Vilela funciona no bairro da Imaculada”. Como se sabe, é o mais populoso da cidade e, portanto, não justifica o fechamento dessa unidade, mais uma da gestão do governador Ricardo Coutinho. Mostra que a educação não é prioridade.

Como não valoriza a educação, o Governo do Estado não tem como resolver o problema da violência, crescente a cada dia, mês e ano. Uma dica: não se fecha escola; abre-se. 

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »