25/11/2017 às 07h32min - Atualizada em 25/11/2017 às 07h32min

Gerente é preso por propaganda enganosa e outros quatro autuados na Black Friday em João Pessoa

MaisPB
Uma pessoa foi presa e outras quatro foram autuadas por desconto fraudulento e falta de informações adequadas, que causavam dúvidas em alguns consumidores, além da propaganda enganosa, em João Pessoa, durante esta sexta-feira (24), dia em que foi realizada a Black Friday.

O gerente do Hiper, do Parque da Lagoa, foi preso por propaganda enganosa. Os demais foram autuados por poucas informações.

Porém, o secretário do Procon, Helton Renê, informou que em comparação ao mesmo período do ano passado, houve redução nos casos.

 
“No ano passado o pessoal não estava levando muito a sério. Porém este ano as pessoas fizeram o dever de casa. Isto significa uma evolução do mercado, o aumento da educação de alguns comerciantes que se adequaram”,explicou.

Até o final desta sexta, foram 20 estabelecimentos visitados e quatro autuações realizadas. Além disso, uma pessoa foi presa.

Mais de 400 itens passaram por fiscalização desde setembro em operações que incluíam a Promotoria do Consumidor (MP- PROCON) além dos Procons de João Pessoa, Cabedelo e Bayeux.

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »