26/08/2017 às 06h03min - Atualizada em 26/08/2017 às 06h03min

Homem preso por estuprar as próprias irmãs menores de idade justifica 'cura' ordenada por 'espíritos'

G1
Foto: Ilustrativa
Um homem foi preso nesta sexta-feira (25) em Campina Grande, suspeito de estuprar as próprias irmãs, menores de idade, alegando que o sexo era uma forma de “cura” ordenada por “espíritos”. De acordo com a Polícia Civil, foi cumprido contra ele mandado de prisão preventiva por prática de estupro de vulnerável.

Segundo a investigação da delegacia de repressão aos crimes contra a infância e juventude, sob comando da delegada Alba Abrantes, o suspeito abusava sexualmente das duas irmãs, uma desde os 12 anos de idade e outra desde os 9 anos.

O suspeito alegava que as vítimas precisavam ser “tratadas” pelas supostas entidades através dos atos libidinosos, entre eles sexo oral e conjunção carnal, de acordo com a polícia.

O mandado cumprido nesta sexta-feira foi solicitado à Justiça na quarta-feira (23) e expedido pela 4ª Vara Criminal de Campina Grande.

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »