22/08/2017 às 06h31min - Atualizada em 22/08/2017 às 06h31min

Câmara deve votar na próxima semana cassação do prefeito afastado de Bayeux Berg Lima

MaisPB
Foto: Walla Santos
A Câmara Municipal de Bayeux deve votar na próxima semana o pedido de cassação do prefeito afastado Berg Lima. Em contato com o Portal MaisPB, o autor da proposta para cassar o gestor, Adriano Martins (PMDB), explicou que recentemente foi negado a Berg mais um prolongamento de prazo para defesa e na quinta-feira (23) seis testemunhas serão ouvidas.

“Ele apresentou um pedido de prazo na defesa e a comissão deu dez dias. Depois ele reapresentou esse mesmo pedido mas foi negado. Então o prefeito arrolou seis testemunhas que serão ouvidas de uma vez só na quinta-feira”, afirmou.

De acordo com Adriano Martins, após as testemunhas serem ouvidas a matéria deve ser levada a plenário em um período de cinco dias. A previsão é que a votação da cassação de Berg aconteça na quinta-feira (31).

Pelo que tem debatido enre os seus colegas na Câmara, o parlamentar garante que o prefeito terá o mandato cassado.
“Com certeza ele será cassado”, sustentou.

Berg Lima permanece preso na sede do 5º Batalhão de Polícia Militar, em João Pessoa, após ser flagrado recebendo dinheiro que seria supostamente propina.

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »