12/08/2017 às 17h06min - Atualizada em 12/08/2017 às 17h06min

Morre Carlos Araújo, ex-marido de Dilma Rousseff, aos 79 anos

Veja
Foto: Reprodução/RBS TV
O ex-deputado estadual pelo PDT do Rio Grande do Sul, Carlos Franklin Paixão de Araújo, morreu na madrugada deste sábado, aos 79 anos, em Porto Alegre. O advogado e ex-marido de Dilma Rousseff havia sido internado no Hospital São Francisco no último dia 25 de julho, com um quadro de cirrose medicamentosa, mas foi sido liberado poucos dias depois. A causa do falecimento ainda não foi divulgada.

Defensor do trabalhismo, Carlos Araújo ajudou a fundar o PDT ao lado do ex-governador do Rio Grande do Sul e do Rio de Janeiro, Leonel Brizola, e foi deputado pelo partido em três mandatos, de 1982 a 1994. Ele se afastou da sigla em 2000, junto com a petista, e acabou retornando em 2013. Foi também candidato a prefeito de Porto Alegre.

Dilma e Carlos Araújo foram parceiros de guerrilha e ficaram casados por mais de 30 anos. Juntos, tiveram a filha Paula, mãe de seus dois netos. Apesar de separados há mais de uma década, ambos mantiveram proximidade e parceria: a ex-presidente chegou a visitá-lo no hospital e frequentava sua casa na capital gaúcha. No período do impeachment, o ex-companheiro foi um de seus grandes defensores.

Dilma Rousseff, que vive no Rio de Janeiro, foi para Porto Alegre ainda na manhã deste sábado. Ela ainda não se manifestou sobre a morte. O corpo de Araújo será velado na Assembleia Legislativa do Rio Grande do Sul, a partir das 15h. Em seguida, a família fará uma cerimônia privada para a cremação do corpo.

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »