01/08/2017 às 08h16min - Atualizada em 01/08/2017 às 08h16min

Romero se opõe a Cássio e defende PSDB com 2 vagas na chapa majoritária

WScom
Foto: Ilustrativa
O prefeito de Campina Grande, Romero Rodrigues (PSDB), se opôs, nesta segunda-feira (31), em entrevista ao Programa 60 Minutos, da Arapuan FM de João Pessoa, às declarações do senador Cássio Cunha Lima (PSDB), que mais cedo declarou que abre mão de disputar as eleições estaduais de 2018 para apoiar a candidatura de do prefeito a governador.

Cássio disse entender que o PSDB não pode ocupar dois cargos na majoritária da oposição.  "Se o PSDB tem um candidato a governador, entendo que precisa fazer aliança e para construir essa unidade não serei obstáculo nenhum”, afirmou. 

 
No entanto, Romero acredita que o PSDB pode sim ocupar duas vagas, mas ponderou que a questão de nomes só deve ser discutida em 2018.  "Tanto a minha candidatura como a dele é cabível. Se você for observar na atualidade o PMDB tem dois senadores da República: o senador José Maranhão e o senador Raimundo Lira", afirmou. 
 
"Acho que essa questão de você restringir as vezes por conta da localização geopolítica ou por conta das questões partidárias não é o momento. O momento é de trabalhar, corresponder as expectativas na função que você está exercendo e deixar essa decisão para o próximo ano. Acho muito prematuro definir nomes, candidaturas nesse ano de 2017. Agora é focar o fortalecimento do partido e deixar as decisões para o proximo ano", acrescentou.

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »