24/05/2022 às 15h20min - Atualizada em 24/05/2022 às 15h20min

Antônia Fontenelle vira ré em processo por preconceito a paraibanos

A justiça paraibana acatou a denúncia do Ministério Público e tornou a youtube Antônia Fontenelle ré, no processo que apura o crime de preconceito ou discriminação contra paraibanos. O caso tramita na 6ª Vara Criminal de João Pessoa.

De acordo com a decisão da juíza Shirley Abrantes Moreira Régis, a atriz tem 10 dias para apresentar uma defesa à ação penal; o inquérito da Delegacia Especializada de Crimes Homofóbicos da Capital consiste em declarações dadas pela atriz, em redes sociais, que caracterizam manifestações preconceituosas generalizadas, direcionadas a todos os paraibanos.

SOBRE A POLÊMICA:

Antônia Fontenelle fez alguns comentários xenofóbicos sobre o paraibano DJ Ivis, que foi preso em julho de 2021 após agredir a ex-mulher, Pamela Hollanda. Na época, a youtuber disse a seguinte fala:  “Esses ‘paraíbas’ fazem um pouquinho de sucesso e acham que podem tudo. Amanhã vou contatar as autoridades do Ceará para entender porque esse cretino não foi preso”.

Depois de ser criticada, Antônia voltou a fazer comentários considerados preconceituosos.

“Esse bando de desocupado aí da máfia digital que não tem nada o que fazer. “Se juntaram pra agora me acusar de xenofobia. De novo? Num cola! Já tentaram me acusar de xenofobia. (…) Porque eu falei ‘esses ‘paraíba’ quando começam a ganhar um pouquinho de dinheiro acham que podem tudo. ‘Paraíba’ eu me refiro a quem faz ‘paraibada‘, pode ser ele sulista, pode ser ele nordestino, pode ser ele o que for. Se fizer paraibada, é uma força de expressão”, disse a atriz.

 

Fonte: Polêmica Paraíba

 

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »