15/09/2021 às 14h26min - Atualizada em 15/09/2021 às 14h26min

PBTur vai volta a divulgar Destino Paraíba em eventos presenciais

 

A divulgação presencial do Destino Paraíba em feiras de Turismo pelo Brasil volta a ser intensificado a partir desta sexta-feira (17).  A Empresa Paraibana de Turismo (PBTur) vai  participar de dois principais eventos do turismo do Rio Grande do Norte: a 7ª edição da Feira de Municípios e Produtos Turísticos do RN – Femptur e o 12º Fórum de Turismo do RN. No estande da PBTur estarão representantes das secretarias de Turismo de Brejo do Cruz, Campina Grande, Sousa, Mataraca, Areia, Cabaceiras, Cabedelo e João Pessoa.

Segundo a presidente da PBTur, Ruth Avelino, a estatal segue na política de disponibilizar espaços para que as prefeituras paraibanas possam divulgar os seus roteiros turísticos em todos os eventos aos quais participa. Em Natal serão divulgados roteiros de sol e mar, assim como atrativos pelo interior do Estado, como os engenhos de cachaça na região do Brejo, os lajedos, a exemplo do Pai Mateus, em Cabaceiras, os festejos juninos de Campina Grande,  o Vale dos Dinossauros, em Sousa,  as maravilhas da caatinga do Seridó, e as belas praias do litoral paraibano.

“Iremos apresentar um grande mix de roteiros que permitam que os turistas conheçam, de fato, o que a Paraíba tem de melhor, somado à nossa gastronomia, que tem sido referência em todo o país, nossa cultura, que conta com apoio irrestrito da Embratur na divulgação do Maior São João do Mundo no exterior; e o nosso artesanato, que tem dito notoriedade até mesmo nas passarelas do São Paulo Fashion Week”, pontuou Ruth Avelino.

Debates – Além do trabalho de divulgação no estande, a Paraíba estará participando de dois painéis. Em um deles, o presidente do Fórum de Turismo do Curimataú e Seridó paraibano, Ricardo Henrique, debaterá sobre “A tendência ascendente para o Turismo de Aventura e Natureza”, no sábado (18). Na oportunidade, ele apresentará a trilha Caminhos das Ararunas, um novo produto voltado para o público que procura por aventura na natureza e trekking em regiões serranas. A trilha terá 100 km de percurso – a 4km do Rio Grande do Norte -, porém, nesse primeiro momento, estarão disponíveis apenas 72 km, sempre entre Araruna e Cuité, na Paraíba. A presidente da PBTur informou que recentemente 07 cidades destas regiões foram visitadas por uma equipe da estatal para mapear e registrar em fotos os principais roteiros e novos produtos turísticos. “Em breve estaremos massificando a divulgação desses roteiros”, avisou.

A trilha está cadastrada na Rede Brasileira de Trilhas de Longa Distância e está toda georreferenciada e sinalizada, sendo possível se guiar pelo aplicativo wikiloc, sinalização das pegadas das Botas pretas e amarelas ou com condutores locais, que receberam treinamento por meio de cursos. Os turistas e paraibanos ainda podem se hospedar em casas de camping, casas de moradores ou pousadas e hotéis da região.

No outro momento, o secretário de Turismo de João Pessoa, Daniel Rodrigues, participará, na sexta-feira, de um debate que abordará o tema “Maior integração das capitais do Nordeste, uma tendência do mercado?”, com as presenças dos secretários de Turismo de Natal, Fernando Fernandes, e de Fortaleza, Alexandre Pereira. O debate será mediado pelo jornalista e diretor da Argus Eventos, promotora do Fórum, Antônio Roberto Rocha.

Os dois eventos serão realizados, de acordo com os organizadores, seguindo todos os protocolos de biossegurança, de forma paralela e presencial, no pavilhão Nísia Floresta do Centro de Convenções de Natal, com entrada e estacionamento gratuitos. Viagens, passeios, artesanato, cultura, gastronomia, agricultura familiar e negócios fazem parte da Feira que, neste ano, conta com novos destinos, expositores de sol e mar, do agreste e das serras. Além de um palco de apresentações culturais, na área gastronômica, com atrações folclóricas e de artistas potiguares.


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Se a eleição fosse hoje, em quem você votaria para Presidente da OAB/PB?

21.5%
41.1%
33.9%
1.3%
2.3%