12/05/2017 às 22h46min - Atualizada em 12/05/2017 às 22h46min

PMJP oferece diversos serviços e aumenta qualidade de vida das mães

Secom-JP
A Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP) tem políticas públicas voltadas para as mães desde o início da gestação com a realização do pré-natal, entrega de kits de enxovais e ainda cuidados especiais na primeira fase da infância da criança através dos 85 Centros de Referência em Educação Infantil (Crei).

Mais de 2,5 mil kits de enxovais foram entregues desde o início da gestão, em 2013. O kit conta com colchão e lençóis de berço, cueiro, mosquiteiro, fraldas descartáveis e de tecido, roupinhas para o bebê, banheira, produtos de higiene e toalhinha de banho, entre outros itens. Tudo adquirido com recursos próprios da PMJP.

Após o fim da licença maternidade, as mamães costumam se preocupar com os novos cuidados dos filhos. Porém, os Centros de Referência em Educação Infantil (Creis) têm aliviado essa preocupação, pois os pequeninos recebem cuidados especiais e alimentação saudável através das cinco refeições diárias com um cardápio rico em frutas, legumes e verduras.

A assessora política, Adna Araújo, voltou ao mercado de trabalho depois que matriculou o seu filho, Lucas Ariel Araújo, de 2 anos, no Crei Vera Lúcia, em Mangabeira. "O Centro de Referência foi fundamental na nossa vida. Aqui encontrei elos de amizade e maternal. Sou mãe solteira e meus pais não moram aqui, ou seja, eu não tinha nem como trabalhar e precisava urgentemente. Procurei o Crei e fui muito bem recebida por todos, tiveram um olhar de mulher para mulher comigo", afirmou. "Aqui meu filho tem uma alimentação saudável, segurança e já desenvolveu bastante. Estou extremamente feliz", complementou Adna.

Crei – Já são 85 Centros de Referência em Educação Infantil (Crei) na Capital ampliando as vagas para 12 mil. A Prefeitura Municipal de João Pessoa prima pelo novo padrão de qualidade do ensino.

Nos Creis, as refeições diárias são compostas por frutas, sucos, bolos, biscoitos, cereais, papas, sopa, inhame, saladas cruas e cozidas. Algumas creches do município possuem ainda hortas, onde os próprios estudantes realizam o plantio e a colheita. A Prefeitura também realiza palestras com os pais explicando a importância da alimentação saudável.

As unidades contam com salas climatizadas, sala de informática, anfiteatro, banheiros com chuveiro elétrico, pátio para recreação e iniciação musical. Além da estrutura de ponta, as crianças ainda têm acesso a todo o material didático necessário e ao uso de mobília e equipamentos que são adequadas ao seu tamanho.

Habitação – A Secretaria Municipal de Habitação Social (Semhab) entregou 5.120 habitações, sendo a maior parte registrada em nome de mulheres. Elas são prioridades no cadastro, pois a maioria é mãe solteira, provedora do lar e com mais de um filho.

É o caso da tecnóloga em gestão empresarial, Ana Queila Rego, mãe de Hanna Nalydja e Cláudio Felipe, portador de autismo.  "Fui durante muitos anos vítima de violência doméstica, depois do divórcio com o meu marido, essa casa significa minha carta alforria. Passar o dia das mães aqui será maravilhoso, não tenho nem palavras. É um milagre de Deus, Ele mostrando que pode tudo", comemora.

Saúde – Na área da saúde, as mamães tem atendimento desde o pré-natal à infância da criança. O Instituto Cândida Vargas (ICV) realizou no ano passado uma média mensal de 500 partos, entre natural e cesáreo, e mais de 2.370 atendimentos por mês. Do total de atendimentos anual realizado pelo hospital, 64,1% foram de residentes de João Pessoa e 35,9% de outros municípios.

O ICV oferta em âmbito ambulatorial de segunda-feira à sexta- feira, em horário comercial, pré-natal de alto risco, serviço de ultrassom, serviço cardiológico adulto e pediátrico, exames laboratoriais, serviço odontológico e, para crianças de até dois anos, consultas com especialistas pediátricos e seguimento de atendimento a crianças com microcefalia, teste da orelhinha, teste do pezinho, Followup Canguru (crianças prematuras  do método canguru).

Já em âmbito hospitalar, o hospital é referência em urgência obstétrica e ginecológica com atendimento 24horas com classificação de risco. Além disso, a maternidade dispõe de UTI Materna, UTI Neonatal, UCIN (Unidade De Cuidado Intermediário Neonatal) E UCINCA (Unidade Método Canguru).

Já o atendimento às crianças e aos adolescentes na rede pública de saúde da capital conta com acolhimento clínico e de urgência e emergência no Hospital Municipal Valentina (HMV). A unidade hospitalar é referência para atendimento clinico de pediatria da rede municipal de saúde, compondo a rede de urgência e emergência na linha da assistência às crianças. O hospital conta ainda com uma moderna Unidade de Terapia Intensiva (UTI).

Kits enxovais – Para ter direito aos kits enxovais, as mães precisam ser encaminhadas pelos Centros de Referência em Assistência Social (Cras) da Capital ou fazer cadastro diretamente no Balcão de Direitos, na Secretaria de Desenvolvimento Social (Sedes). Elas devem atender aos critérios de vulnerabilidade social, estar sob acompanhamento da Unidade de Saúde da Família (USF) de sua região, ser detentora do cartão da gestante, comprovante de residência, RG, última ultrassonografia e oito meses de gestação.

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »