16/01/2021 às 08h36min - Atualizada em 16/01/2021 às 08h36min

NÃO ABRA: Vídeo mostra jovem sendo executado com tiros na cabeça, após alerta de chefe de facção

CM7
Na noite da última quarta-feira (13), um jovem identificado como Alan Corrêa da Silva, de 19 anos, foi sequestrado e brutalmente executado na Avenida Puraquequara, bairro Distrito Industrial 2, zona leste de Manaus. O jovem teria suposto envolvimento com a facção criminosa que matou o policial militar Deivid de Souza Chaves.

De acordo com informações de testemunhas, o rapaz foi sequestrado enquanto trabalhava, em uma lanchonete que fica na Comunidade Nossa Senhora de Fátima 2, bairro Novo Aleixo, zona norte da capital amazonense.

Os bandidos estavam em um carro de cor branca, modelo Ônix, e fizeram a ação criminosa de forma rápida e violenta.

No vídeo, podemos observar que antes da execução, é feita uma alerta. “O prazo é até meio dia, todos os dias vai morrer irmãos nossos”, diz o assassino.

Na tarde de ontem (13), um chefe de facção gravou um vídeo exigindo que os assassinos do policial militar, Deivid de Souza Chaves, se entreguem. Caso contrário, todos serão punidos.

“Os cabeças aí, para entregar os cara do Ônix que mantaram o policial, até amanhã, meio-dia, se não vai embaçar pra todo mundo, para todo os cabeças da cidade”, diz o traficante.

Na fala, o homem se dirige a outros chefes de facções, e os aconselha para que eles entreguem os envolvidos no crime, até o meio desta quinta-feira (14).

ASSISTA AO VÍDEO AQUI
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »