10/05/2017 às 22h33min - Atualizada em 10/05/2017 às 22h33min

Libanês suspeito de ter ligação com PCC é preso na PB com mais dois cúmplices

Redação com PBagora
web
Um libanês foi preso, na noite dessa terça-feira (9), em Campina Grande, suspeito de ter ligação com a facção criminosa Primeiro Comando da Capital (PCC). A polícia também capturou dois brasileiros, supostos cúmplices dele. Com o trio, a polícia apreendeu quase 15 quilos de maconha.

Para o delegado Ramirez São Pedro, da Delegacia de Repressão a Entorpecentes (DRE), denúncias anônimas apontaram um dos brasileiros como responsável pela distribuição de drogas em vários bairros da cidade e devido a essas denúncias que o suspeito foi o primeiro a ser localizado. 

A partir da prisão do brasileiro, os policiais chegaram ao outro brasileiro, que de acordo com as investigações, já cumpriu pena por homicídio no estado de Pernambuco. O último a ser detido foi o libanês. As identidades dos integrantes do trio não foram reveladas.

A polícia afirmou apenas que as buscas foram feitas em casas nos bairros Santa Rosa e Palmeira. Com o libanês, os policiais encontraram fotografias dele segurando um lança míssil e o estatuto do PCC.

Os três presos foram levados para a Central de Polícia Civil.
 

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »