27/07/2020 às 09h25min - Atualizada em 27/07/2020 às 09h25min

IMAGEM FORTE: Policial Militar é preso em flagrante após matar motociclista durante abordagem

Metrópoles
Um policial militar de 45 anos foi preso em flagrante na madrugada de sábado (25/7) na Zona Leste de São Paulo. A prisão ocorreu após o agente atirar em um motociclista pelas costas. A vítima morreu horas depois de ser socorrido e levado a um hospital.

De acordo com a Secretaria de Segurança Pública do estado, a vítima, de 23 anos, que conduzia a motocicleta havia roubado o veículo horas antes de ser reconhecido e morto.

“A Polícia Militar instaurou Inquérito Policial Militar (IPM) e trabalha no esclarecimento dos fatos”, disse a SSP.

No boletim de ocorrência, o policial disse que o suspeito tentou “jogar a motocicleta” em direção a ele e que o jovem teria feito um movimento que aparentou o uso de arma de fogo.

O policial afirmou que primeiro fez disparos em direção a motocicleta, com a intenção de pará-la, e que, ao se aproximar do homem, “ouviu um estampido aparentando tratar-se de disparo de arma de fogo, motivo pelo qual, visando resguardar sua integridade física, efetuou um disparo contra o indivíduo, que caiu ao chão”.

A vítima tinha antecedentes criminais pelos crimes de furto e porte de arma de fogo. Após ser morto, no entanto, a polícia não encontrou nenhuma arma em seu poder.

Imagens divergem de versão do PM

Neste domingo (26/7), a Polícia Civil de São Paulo informou que o policial que atirou pelas costas do jovem teve a intenção de matar.
Segundo a corporação, a versão do policial diverge das imagens das câmeras de segurança.
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »