04/12/2019 às 23h09min - Atualizada em 04/12/2019 às 23h09min

Governador de Pernambuco, Paulo Câmara afirma que saída de João Azevêdo do PSB não altera parceria entre os Estados

A decisão do governador João Azevêdo (sem partido) de deixar o PSB ecoou além das fronteiras da Paraíba.

No berço do partido, no estado vizinho de Pernambuco, o governador Paulo Câmara (PSB) valorizou a relação respeitosa com o paraibano ao lamentar a sua saída da sigla.

– Lamento que o governador João Azevedo tenha decidido deixar o PSB. Quero ressaltar que sua saída do partido em nada altera nossa relação de respeito, consideração e parceria – disse, nesta quarta-feira (4).

Paulo Câmara é o segundo importante agente do PSB que manifesta descontentação com a saída de Azevêdo. Nessa terça-feira (3), o vice-presidente do PSB, deputado Júlio Delgado (MG), já havia lamentado o desfecho da crise do partido na Paraíba.

MaisPB

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Na sua opinião, é justa a soltura do ex-governador Ricardo Coutinho?

23.8%
76.2%