11/09/2019 às 15h51min - Atualizada em 11/09/2019 às 15h51min

Em reunião com direção da Cagepa, Jefferson Kita discute o saneamento básico da cidade de Bayeux

Ao lado dos vereadores Inaldo Andrade e Netinho Figueiredo, presidente da Câmara acompanha andamento das obras de saneamento da Cagepa em Bayeux e busca solução para esgoto na Rua São Sebastião

O vereador e presidente da Câmara Municipal de Bayeux, Jefferson Kita, esteve reunido com a direção da Cagepa, nesta terça-feira (10), onde foram discutidas questões inerentes aos interesses da população bayeuxense.

Ao lado de Kita, estavam presentes à reunião  o vice Presidente da Câmara, vereador Inaldo Andrade, além do vereador Netinho, Primeiro-Secretário da Casa.

Os parlamentares foram recebidos pelos engenheiros da Cagepa, Luciano Nóbrega, Assessor Especial da Presidência, Joaquim Almeida, Diretor de Operação e Manutenção, e pelo Gerente Regional do Litoral, Rubens Falcão, onde foi apresentado todo o plano é andamento das obras de saneamento básico da cidade.

“Recebemos todas as informações acerca do andamento das obras de saneamento básico na nossa cidade, onde vimos o esforço concentrado para que Bayeux, que possui quase 60% de área de preservação ambiental, atinja 100% do seu saneamento, para, com isso, preservarmos o nosso principal patrimônio que é a nossa riqueza natural”, disse o presidente do parlamento bayeuxense.

Além das questões concernentes às obras do saneamento, ainda foi discutida a situação da Rua São Sebastião, no centro da cidade, que possui um problema crônico de esgoto a céu aberto por causa de uma construção irregular na localidade, mas que, segundo Kita, já teve todas as providências jurídicas tomadas para que o problema seja resolvido definitivamente.

“Já foi identificado onde está a obstrução na rede coletora de esgoto. O serviço precisará ser realizado em uma residência que fora construída irregularmente, e o morador não permitiu que a Cagepa realizasse o serviço. Devido a esse impedimento, já foi ingressado na justiça, para que, em caráter urgente, a companhia possa, através de uma liminar, realizar o serviço e com isso acabar com o problema que está ocorrendo na Rua São Sebastião”, declarou Kita.
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Você concorda com a redução da maioridade penal?

84.8%
15.2%