15/06/2019 às 08h21min - Atualizada em 15/06/2019 às 08h21min

Preso, filho de Fernandinho Beira-Mar planejou sequestrar atual esposa do pai

David, ao ser preso em 2007 Foto: Salvador Scofano
O alvo inicial de David Rodrigo Lira da Costa, um dos filhos do traficante Luiz Fernando da Costa, o Fernandinho Beira-Mar, preso nessa quinta-feira por extorsão mediante sequestro, era a atual esposa do pai, Jaqueline Alcântara de Morais. Segundo investigação da Delegacia Especializada em Armas, Munições e Explosivos (Desarme), da Polícia Civil do Rio, David, acompanhado de seus comparsas, chegou a capturar a mulher errada, no Parque Beira Mar, em Duque de Caxias, acreditando se tratar de Jaqueline. Ao perceberem o erro, ela foi libertada.

Em seguida, o grupo sequestrou, na mesma localidade, Douglas Alves da Prata, cunhado de David e genro de Beira-Mar. Ele foi capturado no início da tarde, quando chegava em seu depósito de bebidas, também no Parque Beira Mar. Os suspeitos ficaram circulando com a vítima encapuzada e algemada, enquanto exigiam R$ 150 mil de sua mulher para libertá-lo. Em depoimento, Douglas afirmou que foi espancado e ameaçado.

A vítima relatou também que inicialmente acreditou se tratar de uma abordagem policial, uma vez que integrantes do grupo vestiam camisas da Polícia Civil. Ele também contou que só viu David quando os agentes da Desarme chegaram, já que permaneceu encapuzado pelos criminosos. Douglas é casado com a dentista Fernanda Costa, filha de Beira-Mar que chegou a concorrer a uma vaga na Câmara de Vereadores de Duque de Caxias em 2016. Ela conseguiu 3.098 votos, não foi eleita, mas conseguiiu uma vaga de suplente.

Segundo fontes ouvidas pelo EXTRA, David, de 33 anos, é brigado com a família do pai há cerca de três anos e não mantem contato com os parentes. Aos policiais civis, ao ser preso, ele frisou que é filho adotivo de Beira-Mar. A mãe de David, Elizete da Silva Lira, casou-se com o traficante quando o rapaz ainda era criança. Beira-Mar registrou David como seu filho.
O grupo era monitorado pela Desarme
David foi preso na noite dessa quinta-feira com o policial militar Rafael Lara Ferreira, da UPP Jacarezinho, e os dois ex-PMs Djair de Araújo Silva e Jozenildo da Silva Emiliano. De acordo com informações da Desarme, o grupo foi flagrado parado no acostamento da entrada da Ilha do Governador, na Zona Norte do Rio, com Douglas.Três homens estavam do lado de fora de um veículo e dois, dentro. Um dos que estavam no carro era a vítima.

Com o grupo, foram encontrados um simulacro fuzil e uma pistola. De acordo com delegado titular da Desarme, Marcus Amim, a polícia investiga se outros PMs estão envolvidos no crime. Os presos ontem foram autuados em flagrante por associação criminosa armada, extorsão mediante sequestro e porte de arma de fogo de uso permitido.
Fernandinho Beira-Mar
David, de 33 anos, já havia sido preso pela Polícia do Rio ao menos outras duas vezes. Em junho de 2008, o filho de Beira-Mar foi detido por policiais da Delegacia de Roubos e Furtos de Cargas (DRFC), que realizavam uma incursão na Favela Parque Beira-Mar, em Duque de Caxias. Ele foi abordado em uma das vielas da favela com uma trouxinha de maconha. A comunidade é um dos redutos de Beira-mar.

No ano anterior, David já havia sido preso com outros três homens durante uma blitz da Polícia Rodoviária Federal (PRF) no Km 122 da Rodovia BR-040 (Rio-Juiz de Fora), também em Duque de Caxias. O grupo estava com munição de uso exclusivo das Forças Armadas no veículo.
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Qual a sua avaliação sobre os primeiros 06 meses do governo Jair Bolsonaro?

31.6%
12.5%
16.6%
11.7%
27.6%